Célio Moreira participa do programa “Advogando para você”, apresentado pelo advogado Kenedy Urzedo de Queiroz | Vereador Célio Moreira

Célio Moreira participa do programa “Advogando para você”, apresentado pelo advogado Kenedy Urzedo de Queiroz

Atendendo convite da produção do programa da Rádio América, “Advogando para você”, o vereador Célio Moreira mais uma vez prestou esclarecimentos, no último sábado, sobre a elaboração do Estatuto do Motorista cujo projeto de lei está tramitando no Senado. Um dos líderes de audiência na emissora, o programa vai ao ar todos os sábados, das 9 às 10 horas.

Antes da entrevista, o apresentador Kenedy Urzedo de Queiroz fez a apresentação de Célio Moreira lembrando que, além de vereador, ele é presidente do Sindicato dos trabalhadores em Transportes Rodoviários de Uberlândia e Região (SINDTTRANS) e também o representante da Força Sindical Nacional no Grupo de Trabalho que foi criado pela Comissão de Recursos Humanos do Senado, que está realizando audiências públicas para debater as propostas do Estatuto do Motorista.

Entre outros tópicos, Célio explicou que o projeto de lei que institui o Estatuto do Motorista tramita desde 2008 e é a compilação de ideias e propostas que no decorrer dos anos vem sendo debatidas sobre a profissão dos motoristas profissionais. “Em síntese, ele estabelece a jornada de trabalho de seis horas, com período de descanso, recebimento de horas extras e concessão de aposentadoria especial depois 25 anos de serviço – o que acontecia até 1995, antes da reforma previdenciária do governo FHC”, informou. “A proposta cuida de regular a atividade profissional sob alguns aspectos, entre eles, as restrições de ingresso na profissão, a oferta de tempo de trabalho e também a possibilidade de aposentadoria especial”, completou.

Indagado, Célio ainda falou sobre os altos índices de acidentes no Brasil e as causas deles. Boa parte da entrevista serviu para o vereador explicar o projeto de lei de sua autoria, que exige que as empresas embarcadoras disponibilizem alojamentos com quartos, banheiros e cozinha para os motoristas que aguardam na fila o carregamento e a descarga dos caminhões. E também a disponibilizarem senhas aos motoristas cujas chamadas devem ser feitas por um funcionário designado pela empresa. “Dessa forma, o profissional fica descansando e depois poderá seguir viagem com mais tranquilidade e menos perigo nas estradas”, comentou Célio Moreira.

Últimas notícias:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>